28 de abril de 2017

Capa do Mês: Simpsons Comics 218


A revista acima não é exatamente do mês ( saiu em 18/02/2015 nos EUA) mas como Guardiões da Galáxia 2 estreou ontem no Brasil, vale relembrá-la e deixá-la como capa destaque do mês. Mesmo porque muita gente está compartilhando essa bela arte em vários grupos nas redes sociais. As paródias simpsonianas são sempre inteligentes e perspicazes e essa capa dá bem o tom do seu conteúdo ( vejam quem está fazendo as vezes do Groot!).

27 de abril de 2017

Foto (s) do Mês: Socozinho no Parque Celso Daniel - Santo André




fotos: Leticia Massolini


Estas belas fotos são da minha filha Letícia. Desde pequenininha ela já tirava fotos bem centradas, focadas, com uma precisão e sensibilidade incrível para a idade. Sempre que estou no perrengue para tirar fotos ( tenho boas ideias e bom olhar, mas na hora de tirar...aí já são outros 500) peço uma big ajuda da minha filhota - cada vez melhor na arte de fotografar. Por isso, as fotos do mês são dela neste abril de 2017.
A ave registrada estava no Parque Celso Daniel em Santo André e para identificá-la com precisão, contei com o grupo Identificação de Aves do Facebook, repleto de especialistas e fãs de aves que passam o ID das aves logo em seguida à publicação de qualquer foto postada lá. Adoro aves e sempre que posso observo-as e tento fazer registro das espécies. Mas na hora de identificá-las tenho dificuldades - essa ave acima, por exemplo, eu pensei que fosse um tipo de martim-pescador, embora desconfiasse do seu tamanho um tanto avantajado. No grupo do FB o nome Socozinho foi passado em um minuto!

Para saber mais: http://www.wikiaves.com.br/socozinho

26 de abril de 2017

Doodle animado homenageia sonda Cassini


Doodle animado de alta qualidade hoje na página de abertura do Google. A animação homenageia a Sonda Cassini que chega ao final de sua missão depois de quase 20 anos ininterruptos no espaço. Sua última ação será um mergulho aos anéis de Saturno ( Planeta em que orbita desde 2004 - essa última fase é a registrada na animação). A homenagem também é um adeus, pois ao atingir a atmosfera da Terra, a nave se tornará irrecuperável. No site da missão há uma contagem regressiva para quem quiser acompanhar:

https://saturn.jpl.nasa.gov/

24 de abril de 2017

Jerry Adriani ( 1947-2017)

divulgação

Embora já se soubesse que Jerry Adriani havia descoberto um câncer em março, depois de ser internado com uma trombose venosa, a maioria dos seus amigos e fãs acreditava que ele ia sair dessa. No começo de 2017 o ano se mostrava cheio de realizações para ele: a autobiografia, seu disco com canções do Raul Seixas ( ambos os projetos com a ajuda primordial do amigo Marcelo Fróes), shows agendados por todo o Brasil. Em 22/03/2017 fez show na Net Rio e fez um depoimento comovente sobre sua saúde, seu público e os amigos da classe artística, demonstrando humor e que estava se recuperando. Mas logo em seguida foi internado de novo e foi onde se descobriu o câncer, que infelizmente estava em estágio avançado.
Jerry Adriani, nascido Jair Alves de Sousa, intérprete de voz privilegiada, sempre foi ligado ao rock and roll, desde seus tempos de crooner da banda Os Rebeldes, embora tenha começado a carreira solo cantando em italiano e lançando dois discos com músicas da velha bota. O terceiro disco, em português, já o catapultou como ídolo da Jovem Guarda, e assim foi até o final do movimento. Ainda em 1967, conheceu os Panteras em Salvador e ficou muito amigo do líder da banda Raul Seixas ( ainda Raulzito). Além de trazer os Panteras como sua banda de apoio, gravou músicas de Raul e uma delas acabou sendo um de seus ( se não o maior) grandes sucessos na carreira - "Doce Doce Amor". Raul acabou virando produtor da CBS ( muito por insistência de Jerry) e produziu o cantor até o início dos 70. Depois de uma fase focada no romantismo e uma volta às canções italianas, mas sem nunca perder o fio do rock, e participações em filmes e novelas ( Ele sempre foi "despanelizado" e esteve em todos os grupos musicais e artísticos possíveis) Jerry fez a partir dos anos 90 discos homenagens ao seu ídolo maior Elvis Presley, à Jovem Guarda e obra com músicas de Renato Russo vertidas para o italiano ( nos anos 80, Russo teve sua voz comparada à Jerry logo em seu sucesso inaugural, "Será"). Estava radiante ultimamente, com vários planos para a carreira e participações constantes na televisão ( Dind Dong do Faustão, Encontro de Fátima Bernardes, etc). Não deu tempo. Que sua música atemporal continue iluminando o mundo com energias boas e sua missão futura seja compatível com sua generosidade e amizade.



22 de abril de 2017

Cobertura do Festival Guia dos Quadrinhos no Colecionadores de HQs


Depois de um bom tempo sem atualizar a coluna "Alma de Almanaque" lá no site Colecionadores de HQs, capitaneado pelo amigo e grande incentivador dos quadrinhos Renato Frigo, fiz a cobertura no domingo passado do 2º dia do Festival Guia dos Quadrinhos no Club Homs na Avenida Paulista. Um dia inesquecível ao lado dos meus filhos, onde pude encontrar amigos que arregimentei nestes longos anos como colecionador de quadrinhos e também conversar com diversos artistas, autores, colecionadores e fãs da nona arte. Leiam aqui:

http://colecionadoresdehqs.com.br/festival-guia-dos-quadrinhos-o-mais-descolado-encontro-de-fas-e-colecionadores-da-nona-arte/

21 de abril de 2017

Baú do Seu João 21 : Revista Vida Esportiva Paulista nº 163 - Setembro de 1953


Entre os itens que mais se destacam no acervo do meu pai, sem dúvida nenhuma, são os relacionados ao futebol, e principalmente, ao Corínthians, seu time de coração desde sempre. Esta curiosa revista mensal "Vida Esportiva Paulista" é um desses itens e a edição publicada aqui tem algumas peculiaridades que merecem ser pontuadas. A capa chama a atenção de cara pela simpática ilustração de um jogador mesclado ao bonito escudo do Corínthians que cobre quase seu corpo todo ( desenho não assinado). Atrás dele a foto emoldurada do esquadrão corinthiano da época que vinha de importantes conquistas neste início da década de 50. Esta edição 163 traz uma especial cobertura do time que completava no mês de setembro 43 anos de sua fundação. A revista, pelo que se vê neste exemplar, embora já tivesse em seu ano XIV (14) de existência ( conforme capa), não era uma publicação chamativa em seu miolo, e o que se percebe em suas 48 páginas é que sua impressão era custeada pelas centenas de anúncios - a maioria da região do Ipiranga e zona sul de São Paulo - que abriam espaço junto aos artigos e muitas vezes se sobressaíam visualmente às reportagens. E embora a ilustração da capa dê a entender que o veículo utilizava o serviço de artistas em seu miolo, não há um único desenho em seu conteúdo interno, pelo menos não nessa edição. As fotos sim, estão em quase todas as páginas - algumas bem de bastidores, o que dá um charme de fanzine à revista. Além da matéria especial sobre o Corínthians e um apanhado geral sobre o que acontecia nos campeonatos da cidade e do Estado de São Paulo, há também alguns artigos sobre teatro, música e até receitas culinárias. Abaixo algumas páginas para apreciação:







20 de abril de 2017

Baú do Malu 69: MitoloRia (M&C Editores)


Este álbum "MitoloRia", editado pelo Minami Keizi na primeira metade dos anos 70, com roteiro dele e desenhos do fabuloso Nico Rosso, estava na minha mira há muito tempo, mas nunca tive a oportunidade de adquiri-lo. Neste mês, fui visitar o estúdio do meu amigo Mario Mastrotti, que estava fazendo uma mudança em seu acervo e trocando/vendendo alguns itens. Quando bati o olho neste álbum, peguei-o na hora, anunciando que aquele já era meu! rs. Negociei por um preço bem camarada, de amigo, e ainda levei de lambuja a dedicatória do mestre feita para o antigo dono do álbum, o cartunista Moretti. Quem espera com paciência, um dia alcança - esse é um dos meus lemas como colecionador.






15 de abril de 2017

Doodle: 56 anos do Parque Indígena do Xingu

O Google criou mais um Doodle especial com foco na História do Brasil, homenageando os 56 anos do Parque Indígena do Xingu no Mato Grosso. A ilustração, margeada por água, traz ocas, barcos, pés de mandioca e arte indígena.
Para saber mais sobre o parque e o novo doodle, aqui:

http://www.techtudo.com.br/noticias/2017/04/parque-indigena-do-xingu-ganha-doodle-do-google-conheca-historia-do-pix.ghtml

13 de abril de 2017

Achado 5: Cartão turístico de hotel italiano


Ontem encontrei essa belezinha de cartão dando sopa no meio de uma calçada aqui próxima. Seria um cartão qualquer de visita, não fosse essa magnífica aquarela frontal e um mapa desenhado no verso. Esse conjunto lhe deu vida e me chamou atenção quando quase o pisei no passeio público. Vai se juntar aos outros achados - os primeiros publicados no blog foram todos encontrados no meio de livros - demonstrando que muitos itens gráficos interessantes podem surgir não só em meio à publicações mas também em calçadas, muretas, bancos de praças e tal como este, jogados ao vento.



12 de abril de 2017

As mulheres de Toni D'Agostinho em exposição no Metrô


Hoje, mesmo na correria, parei um minutinho na ótima exposição individual do caricaturista Toni D'Agostinho, montada na estação Paraíso do Metrô, com o título "Mulheres que Mudaram o Brasil". Não bastasse a usual elegância e originalidade no traço do artista ( que conheço desde os primeiros trabalhos publicados nas edições cooperativadas capitaneadas pelo Mastrotti), há também o ótimo texto de Natalia Negretti ( que infelizmente o celular não capturou com precisão). A expo já passou pela estação República e fica até 23/04 na Paraíso. Excelente! ( a minha favorita dessa série é a Nair de Teffé ). Vejam algumas imagens: